​Banho de multidão, fé e devoção na Peregrinação em Honra de Nª Sª do Alívio

O dia da peregrinação é, habitualmente, o ponto alto das festividades em honra da Nossa Senhora do Alívio e este ano não foi exceção. Foram milhares de pessoas que, durante a manhã de domingo (16 de setembro), reservaram o dia para honrar a Santa, num mar de fé e devoção que inundou a freguesia de Soutelo. A caminho do santuário, saíram dois grupos de peregrinos, um da Igreja Matriz de Vila Verde, às 10h00, e outro com partida da igreja de Soutelo.

De um lado, chegava uma procissão que parecia não ter fim com a representação da maioria das paróquias do concelho de Vila Verde e com a presença de vários agrupamentos de escuteiros do concelho. Do outro lado, aparecia a imagem da Nª. Sª. do Alívio, colocada num andor, preparada para voltar a casa, uma semana após a chegada à Igreja Paroquial de Soutelo. Ninguém queria perder o momento da chegada das peregrinações e, por isso, largas centenas pessoas juntaram-se à beira da estrada. No entanto, o apogeu deu-se quando a figura da Santa chegou ao recinto. Ecoaram vários aplausos de grande emoção até ao momento em que o andor foi colocado junto ao palco preparado para celebrar a missa campal, presidida pelo Arcebispo de Braga D. Jorge Ortiga. Durante a eucaristia continuavam a chegar vários autocarros, vindos de diferentes pontos do país para participar nas celebrações em honra de Nossa Senhora.

Um banho de multidão, com pessoas de todas as idades, que continua a fazer do Santuário do Alívio uma referência a nível regional e nacional. O Presidente da Junta de Freguesia de Soutelo não escondeu a satisfação ao ver a bela moldura humana que compunha o recinto: “As festividades em honra da Nª Sª do Alívio geram um calor humano e um espírito de união ímpares”. Filipe Silva afirmou também que este dia tem um impacto muito positivo para na freguesia e em todo o concelho. “É, de facto, um momento único. Tivemos aqui a presença de várias pessoas de maior parte das freguesias do concelho em espírito de união. Além disso, tal como acontece em todos os anos, vieram muitos os visitantes vindos de vários pontos do país, o que reflete a dimensão que as festividades da Nossa Senhora do Alívio têm na região e mesmo a nível nacional”, referiu o autarca soutelense. Depois de mais duas iniciativas eclesiásticas, durante a tarde, deu-se por encerrada mais uma edição de uma das maiores festas religiosas da Zona Norte de Portugal.

VENHA CONHECER SOUTELO!

Santuário do Alívio

Fonte S.Miguel

Praia do Mirante

Cruzeiro dos Evangelistas